Próximo jogo / Classificações

Classificação Final Liga Nos 16/17 - 1º Benfica 34 jgs, 82 pts; 2º FC Porto 34 jgs, 76 pts; 3º Sporting 34 jgs, 70 pts
Classificação Final Ledman Ligapro 16/17 - 1º Portimonense 42 jgs, 83 pts; 2º Aves 42 jgs, 81 pts; 14º Sporting B 42 jgs, 55 pts

quarta-feira, 1 de outubro de 2014

Liga dos Campeões

Um Sporting atrevido e ousado apresentou-se hoje em Alvalade, perante um Chelsea recheado de estrelas. E se a primeira parte não nos correu de feição, já não poderemos dizer o mesmo da segunda parte, onde até poderíamos ter chegado ao empate e quiçá até mesmo à vitória. É esta a beleza do futebol como bem referiu José Mourinho no final da partida, tanto poderia ter ganho por mais um ou dois golos como poderia ter perdido. Três notas finais, a primeira para o Sporting apesar da derrota fizemos um jogo muito bem conseguido, sendo que a qualificação para a fase seguinte da competição é bem possível. A segunda nota é para o árbitro espanhol que arbitrou a partida, foi tudo menos isento olhando demasiado para a cor das camisolas. A última nota é para o público que praticamente encheu Alvalade, foram espetaculares no apoio à nossa equipa, incentivando os nossos rapazes do princípio ao fim. Em frente, Sporting. Saudações Leoninas.  


PS Na baliza Patrício deverá ter feito tão somente uma das melhores exibições de sempre ao serviço do Sporting, no final da partida Mourinho foi cumprimentá-lo pessoalmente, e claro dar-lhe os merecidos parabéns. No setor defensivo sentimos imensas dificuldades para parar o fluxo ofensivo do Chelsea, nomeadamente na primeira parte, todavia gostei da exibição de Sarr e de Jonathan apesar do golo londrino ter nascido do seu lado. Na intermediária William não conseguia neutralizar sozinho os adversários nem lançar perigosos ataques, até porque Adrien esteve muito abaixo do que pode render. No ataque esperava-se mais do tridente Nani, Slimani e Carrillo, apesar do perigo que sempre tentaram causar a Courtois. Na generalidade a equipa denotou uma enorme vontade de vencer e nota-se que Marco Silva tem os atletas do seu lado, o problema é que do outro lado estava uma equipa de nomeada, dotada de grandes individualidades, e um claro candidato a vencer a Liga dos Campeões.

Sem comentários:

Enviar um comentário