Próximo jogo / Classificações

Classificação Liga Nos 16/17 - 1º Benfica 30 jgs, 72 pts; 2º FC Porto 30 jgs, 69 pts; 3º Sporting 30 jgs, 64 pts
Próximo Jogo - 31ª jornada - SC Braga vs Sporting, Estádio Municipal de Braga, dia 30/04, pelas 18h00, com direto na Sport Tv

Classificação Ledman Ligapro 16/17 - 1º Portimonense 38 jgs, 73 pts; 2º Aves 38 jgs, 71 pts; 12º Sporting B 38 jgs, 53 pts
Próximo Jogo - 39ª jornada - Porto B vs Sporting B, Estádio Dr. Jorge Sampaio, dia 30/04, pelas 15h00, com direto no Porto Canal

quinta-feira, 29 de dezembro de 2016

Comunicado

O Presidente do Sporting Clube de Portugal, Bruno de Carvalho, comunicou hoje, dia 29 de Dezembro, que se recandidatará à liderança dos verdes e brancos nas eleições de 4 de Março de 2017.

"Decidi manter a intenção – que, diga-se, em nenhum momento neguei – de me recandidatar a um novo mandato como Presidente do Sporting Clube de Portugal, isto após um exercício de humildade retrospectiva, em que nos orgulhamos do trabalho feito e em que somos capazes de identificar o que ainda está por fazer e aquilo que queremos melhorar, depois de observar, também, a candidatura que já se apresentou e as movimentações com vista a outros possíveis projetos. E, depois de ouvir, nos últimos dias, as palavras de incentivo de milhares de Sócios e Adeptos", deixa em nota na sua página oficial da rede social Facebook.

O atual Presidente do Clube, eleito em 2013, não deixou de fazer um balanço aos últimos quatro anos, reiterando a vontade de prosseguir o trilho até aqui traçado: "Quando cheguei ao Sporting CP, nas circunstâncias que são por todos conhecidas, o Clube estava numa situação muito difícil dos pontos de vista económico e financeiro. Fizemos a reestruturação necessária que, todos reconhecem, como um sucesso, devolvendo a credibilidade e o respeito externo. Lançámos as obras de construção do tão desejado e merecido Pavilhão João Rocha, que iremos inaugurar no primeiro trimestre de 2017, fazendo regressar a Alvalade e à cidade as modalidades que apaixonam todos os Sportinguistas. Ultrapassámos a fasquia dos 150 mil sócios e ambicionamos entrar muito em breve no top-3 dos Clubes com mais associados em todo o Mundo. Conseguimos, de forma consolidada, trazer mais Sportinguistas ao Estádio José Alvalade, alcançando uma média de assistências por jogo acima dos 40 mil espectadores. Temos uma formação no futebol cada vez mais forte e que lidera os seus escalões. Tanto na SAD como no Clube temos consistentemente tido os maiores lucros de sempre. Conquistámos no futebol, vindos do pior lugar de sempre, uma Taça de Portugal e uma Supertaça, e nas modalidades, vários títulos, entre os quais dois Europeus. Construímos plantéis de qualidade indiscutível em todas as modalidades. E, no último mercado, realizámos as duas maiores transferências da história do Clube, sendo uma delas a maior venda de sempre de um jogador português a actuar em Portugal. Além, naturalmente, da abertura da Sporting TV, canal de televisão oficial do Clube, e da concretização do melhor negócio de que há registo na história dos contratos de direitos televisivos em Portugal. Muito há ainda por fazer. E, neste tempo de reflexão, fui capaz de identificar não apenas o que correu bem, mas também aquilo que fizemos menos bem e que carece, naturalmente, de ser melhorado".

Bruno de Carvalho finaliza a comunicação, reforçando o peso do amor ao Clube na decisão, sem deixar de voltar a desejar elevação no período eleitoral: "Faço-o em nome do Clube que eu amo de paixão e que, reafirmo, será sempre o meu, para além da morte. Trabalhei nos últimos 4 anos, 24 horas por dia ao serviço do Sporting CP, e assim continuará a ser enquanto aqui estiver. Os próximos anos são fundamentais para consolidar tudo o que se fez nas últimos quatro épocas. Começar de novo seria um retrocesso fatal para o nosso Clube. É um orgulho e um privilégio ser Presidente do nosso Clube. Considerando o trabalho que temos para fazer diariamente, aquilo que peço é que compreendam que o Clube não pode ser penalizado nem ficar paralisado, devido a um ciclo eleitoral. A direcção e os órgãos Sociais do Sporting CP foram mandatados pelos Sócios para trabalhar e não para andar em campanhas eleitorais. E, por isso, não estranhem que o meu foco, enquanto Presidente, seja o dia-a-dia do Sporting CP e não tanto as eleições. Apelo, como candidato, à elevação e ao sentido de Clube por parte de todos. Façamos deste ato eleitoral um exemplo e uma festa da democracia, de modo a não darmos aos nossos adversários pretextos desnecessários para nos denegrirem. Viva o Sporting Clube de Portugal!!!"

Em frente, Bruno. Em frente, Sporting. Saudações Leoninas.

Sem comentários:

Enviar um comentário